EUA buscam dez líderes emergentes da região norte do Brasil – inscrições vão até 10 de dezembro

Compartilhar em facebook
Compartilhar em twitter
Compartilhar em linkedin

O Atlas Corps Virtual Leadership Institute abre as inscrições, nesta segunda-feira, 1 de novembro , para a Iniciativa Atlas Corps: Elevando Lideranças da Região Norte, que busca engajar 10 líderes emergentes de impacto social da Região Norte do Brasil. Os critérios de elegibilidade para a candidatura do programa são: ter entre 22 e 35 anos, com 2 a 10 anos de experiência, diploma universitário, proficiência em inglês e residir nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. As inscrições poderão ser feitas no site do Atlas Corps (clique aqui) até 10 de dezembro.

O programa, que conta com a parceria da Embaixada e Consulados dos EUA, oferecerá 100 horas de treinamento de liderança on-line ministrado por profissionais dos EUA especializados no desenvolvimento de líderes. O treinamento também incluirá palestras, intercâmbios culturais e oficinas interativa em um ambiente internacional.

O currículo do Instituto Virtual de Liderança é estruturado em cinco módulos: Orientação, Autodesenvolvimento, Desenvolvendo Outros, Liderando Movimentos e Reflexão. Esse programa online inclui palestrantes, workshops interativos, atividades autônomas, discussões em grupos e atividades de desenvolvimento comunitário com a participação de algumas das principais organizações e líderes americanos. Os participantes colaboram uns com os outros e com pares ao redor do mundo.

O programa vai focar na implementação de projetos de liderança com intuito de promover a inclusão econômica e capacitação das mulheres e minorias, difundindo valores democráticos no Brasil. Os selecionados também vão trabalhar em um projeto individual para o seu próprio desenvolvimento profissional e/ou no impacto social positivo para a comunidade. 

Para mais informações sobre esta nota à imprensa, entrar em contato com a Assessoria de Imprensa da Embaixada dos EUA em Brasília, pelo e-mail BrasiliaEMBEUA@state.gov.