Evento da Mosaico Diverso discute o acesso de pequenos produtores aos mercados relacionados a cadeia de valor do cacau

Compartilhar em facebook
Compartilhar em twitter
Compartilhar em linkedin

Na última quarta-feira, dia 05 de maio, a Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA) realizou mais um encontro do quadro “Campo em Debate”, série de lives temáticas da sua primeira campanha institucional Mosaico Diverso.

Na semana que tratou sobre a cadeia produtiva do cacau, o Gerente de Engajamento da PPA, Eduardo Rocha, recebeu os convidados Marco Lessa, publicitário, empresário e CEO do Chocolat Festival, e César De Mendes, dono da Chocolates De Mendes e um dos maiores especialistas em cacau no Brasil.

Lessa e De Mendes conversaram sobre temas como as variedades e características do cacau nativo e como isso pode agregar valor no acesso a mercados nacionais e internacionais e para o consumidor final, além de contribuir com a conservação da biodiversidade Amazônica. Não menos relevante, trataram das relações do cacau com as comunidades tradicionais, fundamentais na valorização e proteção dessa importante cadeia. 

Em sua fala, César De Mendes comentou sobre as variáveis do processo de produção do cacau nativo, que tem como uma de suas principais características a autopolinização, o que gera diferentes nuances sensoriais e de sabor. A indústria Chocolates De Mendes criou um chocolate legitimamente amazônico e tem sido responsável por engajar e treinar povos da floresta, impactando diretamente 3.500 pessoas da região e preservando 300 mil hectares. “Os ribeirinhos, quilombolas e indígenas têm uma forma própria e mais respeitosa de lidar com a natureza, é um aprendizado enorme e constante ver a sabedoria com que essas pessoas zelam pelo ambiente a sua volta”, comentou.

Já o empresário Marco Lessa, por meio do Chocolat Festival, foi um grande responsável por integrar e reposicionar o cacau enquanto produto brasileiro nobre, que preserva a sociobiodiversidade. “O mais importante dessa trajetória foi provar que somos capazes de fazer um bom cacau, um bom chocolate, e temos ativos que o mundo reconhece e paga por isso. Mas precisamos saber vender, promover e projetar todos esses ativos, para não sermos explorados e sim explorarmos essa oportunidade”, afirmou. Marco ressaltou sobre o valor agregado que o cacau nativo e seus pequenos produtores geram, com narrativas e verdades que se adicionam à pureza e à qualidade da matéria-prima, a protagonista de um chocolate especial que é desejado pelo mundo.

O evento proporcionou boas trocas entre Marco e De Mendes, conhecidos de longa data que relembraram momentos importantes de suas trajetórias. Com bastante experiência em campo e de iniciativas para empreendimentos de impacto, ambos valorizaram os saberes originários e tradicionais e a necessidade de pesquisas aplicadas para o contínuo reconhecimento das formas sustentáveis de manejo e da viabilidade econômica para cada novo projeto de desenvolvimento na cadeia de valor do cacau nativo. 

Para assistir à live na íntegra, acesse abaixo:

Acompanhe a agenda de lives da Mosaico Diverso, sempre às quartas-feiras, no canal do YouTube da PPA. Faça parte desta rede! Para mais informações, acesse: www.ppa.org.br/mosaicodiverso.